Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

life Inc.

Beauty & Lifestyle

Do campo

Penso muitas vezes que era (mais) feliz a viver no campo. Por vezes dou por mim cansada do bulício da cidade, do corre-corre, do tempo que se esgota e anseio por dias mais calmos e ao mesmo tempo mais preenchidos, não de afazeres mas de coisas que realmente importam.

 

Estas férias discutia isso mesmo com uns amigos nossos que moram no interior. É o conhecer (quase) toda a gente, ir a pé para o trabalho, ter as coisas boas que o campo produz mesmo à mão, ter a certeza de vaga nas creches e escolas, ter um ar mais puro... Mas nem tudo são rosas. O hospital está a 90km, numa urgência está tudo longe, há poucos transportes, faltam as lojas da moda e há menos emprego. E dizia-me o S " queres morar no campo? E depois aos 18 anos os filhos piram-se para a cidade e ficamos sozinhos". Pois, não deixa de ter razão.

IMG_5678.JPG

Por agora, resta-me aproveitar estes 15 dias que passamos por lá, com a vontade de voltar mais vezes durante o ano. Mas acreditem que eu gosto mesmo de andar no meio da terra e que isso me faz feliz. Ainda mais quando vejo a Pinypon toda contente a sujar-se toda e a apanhar fruta e flores. Fica a faltar o contato com os animais do campo ( que não temos) mas mesmo assim entusiasmou-se toda a ver o rebanho a pastar. E a piada que ela achou ao anunciar das horas pelo sino da igreja?

 

E há lá coisa melhor que regressar a casa e trazer um pedacinho do campo conosco? Destas belas amoras que apanhámos já saiu uma deliciosa compota e nada melhor que um suminho de uva que me faz lembrar o que a minha avó fazia com recurso ao passe-vite. Ainda trouxe amêndoa para a minha granola e se sempre dermos lá um saltinho a meio de setembro é de trazer os marmelos e as nozes!

11924248_10200780341747207_4667286472583492065_n.j11935113_10200793762162709_4211974389716917022_n.j

E vocês, trocavam a cidade pelo campo?

 

xoxo

cindy

Disto de ser mãe/dona de casa/arquiteta a tempo inteiro

A semana passada falávamos eu e a Barbie sobre isto de estar em casa com a nossa descendência. No fundo, de sermos aquilo a que os americanos chamam de "stay at home mom".

 

Tendo em conta que eu sempre adorei a lufa lufa de um dia preenchido, com reuniões e muito que fazer, não vou negar que foi complicado trocar essa agitação pela muda das fraldas. Mas ao mesmo tempo, é sem dúvida maravilhoso poder acompanhar o crescimento da minha filha em full time e isso eu não trocava por nada do mundo.

 

Tenho tentado trabalhar como freelancer, às vezes há trabalho, outras não. Felizmente tenho uma filha que se entretém bem sozinha e me deixa trabalhar em casa sem estar constantemente a pedir atenção. Tenho um marido que dá valor ao meu trabalho em todas as vertentes e isso é meio caminho andado.

 

MAS, e era aqui que eu queria chegar e sobre o que incidiu a nossa conversa, continua a haver muito preconceito para com as pessoas que estão em casa com os filhos. Estou em crer que acham que passamos o dia em pijama, sem fazer nenhum, no sofá a ver os programas da manhã e da tarde na sic e na tvi e que não passa disso. Tenho a sensação que as pessoas não têm mesmo noção do que é trabalhar a partir de casa...

 

Já se imaginaram sem horários para nada? Só sabem mais ou menos as horas a que começa o dia, de resto é ir com a maré. Às vezes tenho imensooo que fazer - sim, fazer projetos de arquitetura e gerir obras é custoso não pela parte criativa mas pelas imensas burocracias - e até consigo ser bastante produtiva em 2h, outras não consigo fazer nada ou porque a princesa está em dia de mau humor, ou porque dependo de terceiros e a coisa não está fácil, ou porque simplesmente não me consigo concentrar. No meio disto tudo há as tarefas normais que um bébé implica e a lida da casa - que parece nunca estar limpa nem arrumada. Recentemente ainda comecei a coloborar com uma empresa de mediação de obras e juntei mais essa função ao meu rol. Não raras as vezes tenho de sair ao final da tarde para alguma reunião ou visita a obra e tenho de fazer malabarismo entre a disponibilidade dos meus pais e do S. Ou seja, não páro.

 

Num mesmo dia acumulo nem sei quantas funções e é cansativo. Não pensem que me estou a queixar, as coisas proporcionaram-se assim e eu sinto-me bem com isso. Só gostava de deixar de ouvir comentários depreciativos, às vezes a meia-voz ou de ler claramente na cara das pessoas que acham que eu levo vida de dondoca. 

 

xoxo

cindy

Coisa Boas

E porque a vida não são só coisas más, aqui ficam algumas das coisas boas que me aconteceram hoje:

 

- levantei-me às 10 horas (estive com a lu no hospital até às 2h)

 

- tomei o pequeno almoço com muita calma e sossego, ao mesmo tempo que ia espreitando os meus blogs favoritos,

 

- a minha filha COMEU! depois de quase uma semana sem comer, bebeu leite, comeu pão e imensas bolacahas do Noddy,

 

- a lu fez um enorme cóco (só um, e não 20 como no resto da semana) que já não é tão líquido,

 

- tomei um enorme duche quentinho (já nem me lembrava de tomar banho em mais de 3 segundos)

 

- o meu filho limpou e arrumou sozinho o quarto dele (para me ajudar) e regou as plantas,

 

- a lu comeu um iogurte todinho a adormeceu , e ainda está a dormir,

 

- o meu pai telefonou-me,

 

- os meus  queridissimaos vizinhs convidaram o meu filho para almoçar e trouxeram me um prato prontinho com peixe grelhado e batatinhas novas com pele,

 

- sentei-me muito sossegada a almoçar, mesmo sozinha , soube tão bem...

 

- já lavei imensa roupa e vou continuar,

 

- já limpei metade da cozinha,

 

- logo à tarde vou a Condeixa À FEIRA DE ALIMENTAÇÂO SAUDAVEL,

 

- e jantar a casa da filhinha grande,

 

E se conseguir ainda vou tirar umas fotos à toalha de mesa e guardanapos que fiz para mim na semana passada e posto aqui, para todas verem.

 

Beijos,

Barbie

 

 

Arrumações! by Cindy

Hoje estou em casa doentinha, cheia de dores de garganta e a cabeça pesadíssima! Mas como não sou de estar enfiada na cama, não suporto mesmo, resolvi dar uma arrumação no guarda-roupa. Embora já tivesse tirado das arcas a roupa de meia estação, ainda não tinha muita da roupa de verão disponível. Com o solinho finalmente a espreitar, já dá ânimo de vestir qualquer coisinha mais fresquinha e levezinha.

 

Portanto toca a tirar tudo, mas tudo cá para fora e arejar e passar um paninho para tirar o pó! Depois separar o que se usa, não usa e o que se poderá ainda vir a usar! Feito isto, lá fui em em busca da roupinha de verão! Ai que maravilha ver os vestidos e tops! Depois de tudo tirado para fora, estava na hora de arrumar tudo outra vez... e chegar à conclusão que ando a comprar peças que não preciso!

 

Pois é, nós mulheres adoramos comprar roupinha e acessorios e sapatinhos mas depois é ver o armário a abarrotar. Tive de invadir o lado do Action Man e acho que ele não vai achar piada nenhuma... mas que raio, ele só tem meia dúzia de coisas penduradas!!!

 

Portanto, antes de irem às compritas vejam mesmo se precisam de roupita nova ou se podem usar o que têm e até quem sabe, modificar algumas peças para ficarem ainda mais giras! Eu pus de lado algumas peças para lhes fazer algumas alterações e assim as poder ainda usar!

 

Aceitam-se mais dicas! Entretanto vou-me esparramar no sofá!

 

xoxo

cindy

Sexta Feira

 

 

Para começar bem a sexta feira a minha filha fez-me o grande favor de dormir bem toda a noite. Sim, leram bem, ela dormiu, toda a noite, serenamente, coisa que já não acontecia há muiiiiiiiiiitos meses.... Mas, eu , tão habituada que estou aos sonos agitados, acordei inúmeras vezes, para a ouvir respirar, e depois suspirar de alivio. Eu sei, pareço maluca, mas posso dizer-vos que desde que sou mãe (há quase 8 anos) que tenho esta mania louca de ver se os meus filhos estão a respirar durante o sono, penso que isto se deve ao grande pavor que nós, Mães, temos, de os perder. 

 

Voltando aos sonos dos meus filhos, o mais velho só começou a dormir toda a noite aos 3 anos, e a mais nova vai pelo mesmo caminho. O que, pasmem, é normal, a maioria das crianças só consegue dormir muitas horas seguidas por volta dos 3 anos;  juntamente com isso, os meus filhos têm a peculiaridade de não sairem à Mãe que é uma dorminhoca, ou seja, gostam pouco de dormir. Isto acaba por me deixar exausta ao fim de algum tempo.

 

Portanto, hoje estou muito feliz!!!!  

 

E posto isto, vou fazer um pãozinho, que de manhã é que começa o dia.

 

 

Beijocas enfarinhadas

 

Barbie

Barbie Dona de Casa

Vou fazer um up-date das minhas "prendas" domésticas.

 

Na semana passada fiz pão, que estava óptimo.

 No sábado, para os meus pais e irmão mais novo, que vieram almoçar (lanchar!!!), fiz o maravilhoso Bolo de Chocolate no Mircroondas. Dez minutos, e temos um bolo muito bonito, fofo e saboroso.

 Ontem deu-me para as arrumações, comecei a arrumar os armários e roupeiros. Já estão o dos miudos e o da casa de banho.

 

E hoje foram estas doces bolachinhas!!

Parece-vos bem? E vocês o que têm feito?

 

 

Beijinhos doces,

 

Barbie 

Barbie dona de casa

Como diria a Cindy, eu ando muito prendada. Hoje decidi fazer umas bolachinhas caseiras, encontrei esta receita muito simples:

 

250g farinha - 125g açucar - 125 g margarina - 1 ovo inteiro - 1 c cha fermento - ammassar tudo, cortar e por no forno a 180 ºC, ate alourarem.

 

 

 

 

Fazem-se num instante, sao boas para acompanharem o cafézinho, o chá ou o chocolate  quente. E os miudos adoram...

 

E eu também que já comi imensas...

 

Beijocas tricotadas,

Barbie

 

p.s. a cindy vai ter uma surpresa no domingo

 

A boina da Cindy e outras coisas.. by Barbie

Olá!!

Vou aproveitar para escrever agora que a Cindy não está a ver.. hehe

 

Pois tenho andado a fazer uma boina pra lhe levar no domingo. Espero conseguir.

Vocês podem pensar que não, mas os meus dias são muito ocupados. A miúda pequena ocupa-me imenso tempo, entre vesti-la, dar-lhe de comer, mudar montes de fraldas, tentar que ela ande sozinha (sem frutos, para já) e colo e mais colo...

O mais velho ocupa menos tempos mas sempre são trabalhos de casa, banho, pequeno-almoço e jantar e lanche em casa e lanche na escola, e ó mãe isto e ó mãe aquilo e ó mão olha e ....

Depois é a lida da casa , louças, cozinhar, compras , roupas para lavar e secar e passar e arrumar...

Casa para limpar e arrumar (o melhor possível!!)!

Camas para fazer, casas de banho para limpar... Enfim, as tarefas nunca acabam e o tempo para mim (ler, navegar,  tricotar e ver algumas das minhas séries da 2 ) é quase nulo!

 

Olhem desculpem lá mas tenho de ir ali tricotar mais um bocado antes que a miuda acorde a pedir leite.

 

Beijocas tricotadas,

 

Barbie

Meet the Blogger

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Wholesale clothes, Clothing Wholesalers online from China,cheap korean clothes online WOOK - www.wook.pt
SweetCare - Saúde, Beleza e Cosmética

Calendário

Janeiro 2018

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031