Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

life Inc.

Beauty & Lifestyle

Sobre a crise! by Cindy

Sim leram bem, cá vem mais um post sobre a crise, o bicho papão deste país.

 

Que isto vai de mal a pior já todos sabemos, que teremos de apertar ainda mais o cinto também. E eu continuo a dizer que o que nos faz falta, enquanto país, não é ter um défice menor ou maior mas sim haver uma revolução de mentalidades!!!

 

Descontamos todos os meses para a Segurança Social que de segura não tem nada, na esperança de que se um dia nos faltar emprego, possamos usufruir daquilo que descontámos aquele tempo todo, de que se ficarmos doentes, continuaremos a receber o que tanto nos faz falta ao final do mês. Pois, parece que agora, quem tiver um pé de meia no banco, pode não vir a usufruir do subsídio de desemprego. Portanto, meus queridos, é receber e gastar! Assim, podemos receber aquilo que temos direito. Ou então é guardá-lo debaixo do colchão que os (outros) ladrões agradecem! Quanto a quem trabalha por conta própria, não tem direito a NADA! Supõe-se que somos todos empresários bem sucedidos. Se a coisa não corre bem, lá se vai o pé de meia e fica-se a ver passar os navios.

 

Temos um Serviço Nacional de Saúde péssimo. Eu nunca pus os pés na minha médica de família e da última vez que tentei marcar uma consulta teria de aguardar 3 meses. O que vale é que há 3 anos resolvi fazer um seguro de saúde nunca mais pus os pés num hospital público ou centro de saúde. Claro que me sai do bolso mas ao menos não aturo situações ridículas de meses e meses de espera para situações de urgência. E sejamos francos, caso se possa optar, prefiro ser atendida num hospital privado. E sim, já estive internada num hospital público e sei bem do que falo.

 

Pagamos impostos por tudo e por nada. O IVA irá aumentar mais uma vez e continuamos impávidos e serenos.

 

Agora serão as portagens nas SCUT's. Pessoas como eu que transitam de uma cidade para a outra para ir trabalhar terão poucas se não nenhuma alternativa. Pagaremos e pronto.

 

Os nossos investigadores piram-se para o estrangeiro. Os nossos técnicos superiores são sub-aproveitados. O sector público encomenda trabalho ao público, mesmo tendo pessoal competente para o fazer dentro das autarquias. E depois atrasa-se no pagamento. E as pequenas empresas fecham. Há desempregados com competências a mais (?) e que jamais irão conseguir arranjar emprego. Isto dito no Centro de Emprego.

 

Eu quero conseguir trabalhar e para isso preciso de licenças por parte das Câmaras. Espero meses e meses por uma assinatura do Sr. Vereador. Se ligo a reclamar dizem que há poucos recursos humanos. E eu penso, tanta gente sem emprego. A licença não sai, o cliente não paga e nós ficamos a tocar viola.

 

Estamos em crise e eu passo pelo parque da Câmara Municipal do Porto e parece um stand de carros de luxo. A venda de imóveis de luxo tem vindo a aumentar nos últimos anos.

 

A conclusão a que eu chego e que não é novidade para ninguém é que quem aperta o cinto são sempre os mesmos. E nem cinto se pode chamar. Neste momento é mais um cordel.

 

E eu, que felizmente tenho uma situação financeira mais estável do que quando estava a recibos verdes, tenho de me capacitar que não posso gastar o mesmo que gastava há uns anos. Porque nunca se sabe o dia de amanhã e desconfio que qualquer dia vamos voltar a uma agricultura de subsistência, com hortas para consumo próprio nas varandas dos prédios. Assim ao menos poupa-se nas hortaliças. E podemos sempre trocar tomates e pepinos por um franguinho!

 

xoxo

cindy

 

 

 

___________________________________________________________________________________________________ Se gostaram de ler este post e não querem perder pitada das novidades aqui no blog, basta subscrever o blog por e-mail e seguir-me nas redes sociais Instagram e Facebook ( tudo na na barra lateral direita). ___________________________________________________________________________________________________

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Margot 08.10.2010

    É sempre bom conhecermos outros pontos de vista!
  • Imagem de perfil

    badmary 08.10.2010

    Pois, normalmente toda a gente acha o máximo não pagarmos impostos, mas a verdade é que isso acarreta uma série de coisas que não são tão boas quanto isso... Mas enfim, eu já sabia ao que ia. Tinha era esperanças que a coisa mudasse! Há uns anos quando o Mariano Gago lá esteve pela primeira vez, parecia vir cheio de vontade de mudar e fazer coisas. Por isso quando ele voltou tive esperança... Depois com o tempo tudo caiu em saco roto e as mudanças não foram nenhumas
    O último tipo que mexeu na lei estatuto do bolseiro para nos dar mais algumas condiçõezitas foi o Santana Lopes quando lá esteve 4 meses (!!).
  • Imagem de perfil

    Life Inc 08.10.2010

    Pois, eu também me deixei ficar na situação de recibos verdes, uma situação falsa, com horário de trabalho, férias, local de trabalho fixo e etc... Aliás na minha área - arquitectura - há muitos poucos trabalhos a contrato. E até poderia ser interessante trabalharmos todos como freelancers se essa fosse a realidade.

    Precisamos mesmo de uma mudança e para melhor!

    xoxo
    cindy
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Meet the Blogger

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Contato de e-mail

    daybiday@sapo.pt

    @life_inc_blog
    Follow on Bloglovin

    Parcerias

    Compre aqui

    SweetCare - Saúde, Beleza e Cosmética

    Calendário

    Outubro 2010

    D S T Q Q S S
    12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31